Sotheby’s leiloa diamante de 101,38 quilates. O pagamento é em criptomoedas

Sotheby’s leiloa diamante de 101,38 quilates. O pagamento é em criptomoedas

A Sotheby’s vai leiloar um diamante de 101,38 quilates esta sexta-feira, em Hong Kong. Em troca, uma das maiores leiloeiras do mundo aceita pagamentos em Bitcoin ou Ethereum.

Os especialistas da leiloeira acreditam que os compradores podem chegar a apontar para os 15 milhões de dólares. Se assim for, este será o objecto mais caro de sempre, a ser comprado em leilão, através de criptomoedas.

Como esclarece Josh Pullan, director-geral do departamento de luxo da Sotheby’s, contactado pela Bloomberg,” há cada vez mais jovens ligados aos meios digitais e às criptomoedas que desejam comprar pedras de dez preciosas”. Até hoje leiloamos nove diamantes com mais de 100 quilates, mas apenas dois, para além deste tinham forma de pera.

Em Maio, a Sotheby’s anunciou que iria aceitar as moedas digitais Bitcoin e Ethereum na venda de uma peça do artista britânico Banksy, tendo sido a primeira vez que uma casa de leilões admitiu este tipo de pagamento.

Em concreto, a obra de Banksy, intitulada “Love Is in the Air”, foi leiloada durante a venda vespertina de Arte Contemporânea de Nova Iorque, em 12 de Maio, considerada uma das mais importantes do ano, tendo estado avaliada entre três milhões e cinco milhões de dólares.

Partilhar este artigo