Sofala: Sector de construção civil debate qualidade de obras pública

Sofala: Sector de construção civil debate qualidade de obras pública

A Associação dos Empreiteiros de Construção Civil e Obras Públicas (AECOP) em Sofala debate, desde ontem, na cidade da Beira, a qualidade e resistência de edifícios, estradas e pontes, face às mudanças climáticas.

No encontro, que junta diferentes intervenientes ligados à arquitectura e construção civil, são abordados vários temas com destaque para a vulnerabilidade das infra-estruturas em ambientes de ciclones tropicais, sismos, cheias e secas.

Ontem, na abertura do evento, o presidente da AECOP em Sofala, Mário Amaral, explicou que para que haja infra-estruturas de qualidade, “é preciso que cada interveniente actue com responsabilidade”, enfatizando que “as novas construções devem basear-se em padrões de resistência”.

Entretanto, hoje, último dia do encontro, vai-se assinar memorandos de entendimento entre a Associação dos Empreiteiros de Construção Civil e Obras Públicas de Sofala, UniZambeze e RS Servicˈs- Engenharia e Arquitectura.

Partilhar este artigo

Deixe uma resposta