Projecto SUSTENTA beneficia 52 agricultores emergentes em Manica

Projecto SUSTENTA beneficia 52 agricultores emergentes em Manica

Mais de 50 pequenos agricultores comerciais emergentes (PACEs) em Manica vão beneficiar de financiamento do SUSTENTA, para a fase de implementação na campanha agrícola 2021/ 2022.

O facto foi revelado esta segunda-feira pelo Secretário de Estado nesta província, Edson Macuácua, no quadro do lançamento do processo de candidaturas para o acesso aos fundos do SUSTENTA 2021/2022.

Vão também beneficiar dos pacotes tecnológicos do SUSTENTA em Manica cinco mil e duzentos pequenos agricultores distribuídos pelos distritos de Barue, Gondola, Macossa, Guro, Sussundenga, Mussurize, Manica e Vanduzi.

Edson Macuácua assegurou que o processo de candidatura vai decorrer de forma transparente e inclusiva, daí que encoraja aos pequenos agricultores comerciais emergentes a manifestar interesse de financiamento.

Para a presente edição o SUSTENTA inclui em Manica a implantação de uma fábrica de processamento de fruta a ser instalada na cidade de Chimoio.

Segundo Edson Macuácua, a indústria vem solucionar o problema de desperdício de frutas que a província vinha registando por falta de condições para o seu processamento.

Para a época 2021/2022 a província de Manica vai beneficiar através do SUSUTENTA dos pacotes tecnológicos de gergelim, milho, feijões e Soja.

Partilhar este artigo