OMS aprova vacina chinesa da Sinovac

OMS aprova vacina chinesa da Sinovac

A Organização Mundial da Saúde (OMS) aprovou, esta terça-feira, a vacina chinesa da Sinovac para uso de emergência.

“Hoje, tenho o prazer de anunciar que a vacina Sinovac-CoronaVac entrou na lista de utilização de emergência da OMS após ter sido considerada segura, eficaz e de qualidade assegurada após duas doses da vacina inativada”, disse Tedros Adhanom, director-geral da OMS.

O painel independente de especialistas disse num comunicado, citado pela agência Reuters, que recomendava a vacina de Sinovac para adultos com mais de 18 anos, com uma segunda dose duas a quatro semanas depois. Não foi dado nenhum limite máximo de idade, pois os dados sugerem que a vacina tem eficácia nos mais velhos.

É o segundo fármaco desenvolvido na China a entrar na lista da OMS de vacinas aprovadas contra o Covid-19, após a aprovação a 7 de Maio da vacina da Sinopharm.

Além destas duas a OMS já aprovou mais cinco vacinas, entre as quais as quatro já aprovadas na Europa (Pfizer, AstraZeneca, Moderna e Janssen) e uma vacina indiana, do Serum Institute of India, a Covishield. São, assim, um total de sete vacinas aprovadas pela instituição.

Partilhar este artigo

Deixe uma resposta